terça-feira, agosto 30, 2005

de volta à...terra

Granada/Andaluzia agradável surpresa!
Vale a pena ir ao Alhambrita e ao vizinho Generalife, fugir do trânsito louco da Ronda, precorrer o Albaicin, beber uma infusãozita na teteria mais próxima, percorrer a Elvira, meter o nariz nos bazares à volta do grande templo catedraloíde etc,etc...etceterrrraá.
Tal como o fado, confirmei in loco que o flamengo é apenas mais um lá em cima. Sozinho no Sacromonte... nas suas lindas cuevas.
Vende bém aquela E$panha e é mesmo deles. Ali é verdadeiro. O outro folk para meu descontentamento é que foi ficando nas "cuevas"
Vão ao emblemático festival de Alpujarras nas serranias de Motril - Rubite e como diz o outro, ora tomem nota, Flamengo não obrigado...!??!?!?
Depois conto mais ....tenho que me organizar.

4 comentários:

Comvinha disse...

Era isto não era...ó Cantarolina

"para los barcos de vela,
Sevilla tiene un camino;
por el agua de Granada
sólo reman los suspiros"...
(Federico Garcia Lorca)

Comvinha disse...

Era isto não era...ó Cantarolina

"para los barcos de vela,
Sevilla tiene un camino;
por el agua de Granada
sólo reman los suspiros"...
(Federico Garcia Lorca)

Comvinha disse...

"para los barcos de vela,
Sevilla tiene un camino;
por el agua de Granada
sólo reman los suspiros"...
(Federico Garcia Lorca)

Ana Cantarolina

Comvinha disse...

Mil desculpas que isto disparou e repetiu...